Blog

Das Seridolendas de Wescley Gama

Capa do CD Seridolendas

Capa do CD Seridolendas

O álbum Seridolendas, do curraisnovense Wescley Gama, recebeu menção honrosa no concurso nacional ‘Os 100 Melhores Álbuns da Música Brasileira em 2013″. Foram eleitos os 100 melhores discos e mais 100 menções honrosas, num total de mais de 600 discos  analisados. Também receberam a mesma menção honrosa artistas, como Marcelo Jeneci, Nenhum de Nós, Guilherme Arantes e outros mais (lista completa AQUI). Recebi este CD em casa, gentilmente enviado por Wescley. Fiquei deslumbrado com cada uma das 12 faixas. ‘Seridolendas’ nos traz pureza interiorana mesclado à complexidade dos arranjos e à poesia de Iara Maria Carvalho. E nada de regionalismo (a exceção mais clássica talvez seja ‘Coração Violento’). A voz grave (me lembrou Samir Bilro) de Wescley conta histórias de arranjos próprios, singulares. É um CD original, fascinante, cheio de imagens por vezes surreais de baleias mortas em chãos rachados pelo sol. A beleza do disco começa já na capa – uma tela em acrílico assinada pelo artista plástico Assis Costa, intitulada Cabras do Sertão. Lançado no fim de 2013, ficou fora de algumas premiações e listas de melhores álbuns o ano passado. Mas é um trabalho a ser lembrado pelo Prêmio Hangar em 2014, penso. Segue abaixo uma mostra do disco. Tem mais pelo youtube. Será que Moacy Cirne escutou essas seridolendas de seu conterrâneo?

Share:

Comentários

1 comment

  1. Cassildo Souza 16 janeiro, 2014 at 15:26

    Um disco singular, original, musicalmente sensacional. O álbum mostra a maturidade de ambos – o músico e cantor Wescley e a poeta qualificadíssima, Iara Carvalho – cujos trabalhos se entrelaçam divinamente ao longo das faixas. Um disco que, apesar de ter o Seridó como tema, está longe de ser bairrista e extrapola qualquer limite geográfico. Espetacular!

Leave a reply