AgendaAudiovisual

Goiamum Audiovisual divulga filmes selecionados

Goiamum_No fim de tudo Victor Ciriaco

Filmes serão exibidos nos dias 08 e 09 de junho, no Solar Bela Vista.

Imagem de capa: “No fim de tudo”, de Victor Ciríaco

O festival Goiamum Audiovisual já definiu a lista de filmes selecionados para os programas estadual e nacional do Curta Goiamum Mostra Competitiva de Curtas Metragens de Natal.

São 18 filmes potiguares e nove nacionais selecionados dentre mais de 500 inscritos.

As produções serão exibidas na 9ª edição do Festival Goiamum Audiovisual, nos dias 08 e 09 de junho de 2018, no Solar Bela Vista, sede do festival, a partir das 18h30.

A premiação será no último dia do festival (10), com início às 20h30.

A curadoria é da jornalista Andréia Mota (RN), do diretor Augusto Lula (RN) e do realizador audiovisual Paulo Roberto (PB).

O Goiamum Audiovisual 2018 é uma realização da ONG Olhares e Casa de Produção e conta com recursos da Secretaria do Audiovisual (SAV) do Ministério da Cultura-Governo Federal, através de edital para festivais de cinema.

O festival também é parceiro do SESI/Fiern (Serviço Social da Indústria).

Selecionados Programa Estadual

Da mostra competitiva no Programa Estadual serão exibidos curtas-metragens nos gêneros ficção, documentários e experimentais. São eles:

Em Torno do Sol (ficção, Natal), de Júlio Castro e Vlamir Cruz; O Espelho, de Dynho Silva (Ficção, Lagoa Nova); Memória Roubada, de Marcelo Buainain (Documentário, Natal); Verde Limão, de Henrique Arruda (Ficção, Natal); Nada Foi em Vão, de Sihan Felix (Documentário, Natal); A Casa do doido Alexandre, de Geraldo Cavalcanti (Ficção,  São José de Campestre);  Arialdo Pinho: Uma trajetória des-viável, de Fred Luna (Documentário, Natal); Bordô, de Wigna Ribeiro (Ficção, Mossoró); Famintos, de Marcelo Buainain (Documentário, Natal);  Três vezes Maria, de Márcia Lohss (Ficção, Natal); Aos dias de luta!, de Rita Machado e Babi Freire (Experimental, Natal); Sebastiana de Kaiony Venâncio (Ficção, Natal) ; Leningrado, linha 41, de Dênia Cruz (Documentário, Natal); Vida Vaza, de Carito Cavalcanti ( Documentário, Natal); Som do Morro, de Diana Coelho e Helio Ronyvon (Documentário, Natal); – #OcupaAugusto, de Anelly Gomes, Carmem Silva e Gustavo Pereira (Documentário, Natal); Catarro, de Paulo Dumaresq (Documentário, Natal) e No Fim de Tudo, de Victor Ciriaco (Ficção, Natal).

Selecionados Programa Nacional

O programa nacional terá nove filmes, produzidos a partir de 2017. São eles:

A Canção do Asfalto, de Pedro Giongo (Ficção, PR); A Retirada Para Um Coração Bruto, de Marco Antônio Pereira (Ficção, MG); Arara: um filme sobre um filme sobrevivente, de Lipe Canêdo (Documentário, MG);  Em Busca de Lélia, de Beatriz Vieirah (Documentário, BA);  Estamos Todos Aqui, de Chico Santos e Rafael Mellim (Ficção, SP); Torre, de Nádia Mangolini (Documentário, SP);  ELÃ! de Lucio Branco (Documentário, RJ); Famintos, de Marcelo Buainain (Documentário, RN) e O Casulo e a Borboleta, de Thiago Furtado (Ficção, PI).

Augusto LulaCuradores do 9º Goiamum Audiovisual 

Andréa Mota (RN) – Jornalista pela UFRN. Mestre em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicação e Artes – ECA da USP, na área de Cinema, Rádio e TV.

Foi Assessora de Comunicação da Mundial Filmes, distribuidora de São Paulo. Coordenadora do Curso de Jornalismo da UnP por seis anos. Atualmente, professora da Estácio FATERN.

Augusto Lula (RN) – Diretor de filmes publicitários, atua no mercado do Rio Grande do Norte desde 1982, realizou os vídeos Ribeira velha de guerra (1993), Senhora e poço.festim.mosaico (1996).

Paulo Roberto (PB) – Artista-visual, realizador audiovisual, curador e cineclubista. Integrou a comissão de seleção da 9º Semana dos Realizadores do Rio de Janeiro, da Mostra DOCFAM do 18º FAM – Festival de Cinema do Mercosul e do Tintin Cineclube.

Desenvolve projeto de pesquisa no Núcleo de Estudos de Roteiro Cinematográfico – LENA/UFPB e integra o Ateliê de Escrita Dramática – Percurso 2018 da Escola Porto Iracema das Artes/CE.

Share:

Comentários

Leave a reply