MaisPoesia

Noturno

intensas são as águas da noite

profundo o silêncio

onde o passado

ainda presente

movimenta o imaginário

para sobreviver no novo mundo

o despertar aguarda o sinal

de cruzar a sombra

a hora que anuncia a estrela d’alva

antes disso

é precipitação

queda

abismo de luz

que arrebata o dia

do qual não se terá resposta

Share:

Comentários

2 comments

Leave a reply