Dez anos do Substantivo Plural

Tácito Costa
Destaque

Agora, que chegamos aos dez anos, é que tenho a certeza do porquê ter criado o Substantivo Plural. Para manter-me perto de vocês. A história, até então, estava sendo contada por mim, não digo, incorreta, mas enviesada. Hoje isso está bem claro na minha cabeça.

Lembro que em entrevistas, ou mesmo artigos, afirmar que minha idéia, quando criei o Substantivo era de continuar fazendo jornalismo cultural, após deixar a editoria da Preá. O blog teria sido a consequência natural desse processo. Mas, hoje, constato que era outra a minha verdadeira intenção.

Confraternização de 2011, Edjane, Damata e Tânia

Confraternização de 2011, Edjane, Damata e Tânia

Desde os primeiros passos, quando chamei Carlão de Souza, Carmen Vasconcelos e Nelson Patriota, para embarcarem comigo na aventura, estava selado, de maneira inconsciente, reconheço, o caráter amoroso que me moveu.

Aos poucos foram chegando os demais amigos. Impossível citar todos. Alguns sequer escreveram uma só linha nesses anos todos ou mesmo se tornaram leitores constantes. Mas sempre que precisei de uma força para o projeto gráfico, uma arte ou folder especiais, resolver um problema técnico,se prontificaram a ajudar.

É o caso de Marcelo Mariz, da agência de publicidade Mariz Comunicação Integrada. Cito-o pelo total anonimato com que sempre nos ajudou, fiado apenas na nossa antiga amizade. De Nicolau Chiavenatto, que resolveu na camaradagem, durante muito tempo, as broncas técnicas que surgiam.

O certo e justo é que cada um de vocês contribuiu muito, de uma forma ou de outra, para que cheguemos até aqui. Fico feliz em constatar que possibilitamos encontros e que amizades foram criadas e outras revigoradas neste espaço virtual.

Denise, Lívio, eu, Ednar, Julinha e Danclads

Ainda em 2011, Damata, Denise, Lívio, eu, Ednar, Julinha e Danclads

Para além do prazer dos bons textos e poemas – e algumas arengas também – que compartilhamos juntos, estou certo que sem o Substantivo eu e vocês teríamos perdido a oportunidade de conhecer muita gente boa. Só isso já pagou o trabalho que tivemos esses anos todos.

Passamos por altos e baixos nesses dez anos. Mas sobrevivemos e estamos contando parte dessa história. Acredito que cada um de vocês tem algo para contar sobre nossa convivência aqui.

Poderia fazer referência aos números de acessos, que atestam o êxito editorial do SP, mas não considero isso o mais importante – nunca me moveu -, e sim os respeito e credibilidade que construímos, como termos sido escolhido para figurar em tese acadêmica internacional (AQUI). Isso aí não tem preço, podem acreditar.

Não nego que são essas pequenas e ilusórias glórias que nos animam a seguir em frente. Dinheiro mesmo nunca ganhamos e nem fomos atrás. E acho que isso foi bom, mantivemos nossas totais independência e pluralidade e jamais deixamos de publicar texto, comentário ou debater qualquer questão.

Uma palavra especial aos amigos Sérgio Vilar, Conrado Carlos e Sheyla Azevedo. O primeiro chegou numa hora em que eu estava meio sem gás para tocar o barco e renovou meu ânimo. Fez um trabalho extraordinário, sobretudo com relação ao projeto gráfico atual e às redes sociais. Infelizmente, para nós, decidiu-se por retomar o seu blog. Conrado e Sheyla continuam aqui, como editores, dando valiosas contribuições.

Celebração pelos nove anos, no Bardallos

Celebração pelos nove anos, no Bardallos

Na verdade, esse post é mais de agradecimento e declaração de afeto sinceros a todos vocês, do que qualquer outra coisa. Sintam-se queridos e amados por mim.

Espero encontrá-los no dia 23 de junho, uma sexta-feira, às 21 horas, no Bardallos (Edjane já confirmou presença, trocou um plantão em Caicó só pra vir). A noite contará com show da cantora Antoanete Madureira, que nos brindará com o seu projeto musical “Suave Potengi”.

Abraços e beijos.

MATÉRIA PUBLICADA NA TRIBUNA EM 2007 ANUNCIANDO CHEGADA DO SP: AQUI

EDITORIAL NOS CINCO ANOS: AQUI

Alguns registros fotográficos das confraternizações realizadas nestes dez anos.

foto1

foto2

Abaixo esboço do primeiro projeto gráfico feito pelo design Davi José (mudou pouco do que foi ao ar em 2007).

PROJETO DO SP 3 - FOTOS COR

Share:
Tácito Costa

Comentários

8 comments

  1. José de Castro 6 junho, 2017 at 10:33

    Parabéns a você, amigo e a toda a sua equipe e aos colaboradores. Alegria também em já ter figurado na postagem de POETA DA SEMANA, há algum tempo e, também, por ter publicado alguns artigos e poemas… Sempre que puder, voltarei. Com alegria, pois também me sinto da família Substantivo Plural… Tudo o o que se faz com amor e por amor vinga ao longo do tempo… Que muitas e muitas décadas ainda existam à frente para se celebrar… Meu abraço carinhoso a todos, inclusive aos leitores… O que seria de nós escribas se não fossem os leitores? Viva o SUBSTANTIVO PLURAL !!!!

  2. Anchieta Rolim
    Anchieta Rolim 6 junho, 2017 at 14:24

    Massa demais! Foi aqui nesse espaço cultural e democrático que eu mostrei pela primeira vez minha poesia. Conheci grandes poetas e fiz amizades duradouras. Estarei presente! Que venham outras dezenas… Parabéns, Capitão!

  3. Oreny Junior
    Oreny Júnior 6 junho, 2017 at 17:06

    Valeu, capitão, agradecido por ter toda essa gama de figuraças alojado neste sítio. Parabéns, que venham mais 10³ anos!!!

  4. Carlos Gurgel
    Carlos Gurgel 7 junho, 2017 at 03:50

    erguer a múltipla, escrita de inúmeros e tantos nomes. sair do limbo. revelar a fortuna da amizade. pensamentos, olhares, o sim, o não. fazer do encontro a razão, a tenaz luz acesa. se dar conta de que a memória, labirinto de todos, tem seu lugar. planície. tablado. como uma ciranda, jornada que vinga fé. a leitura. os leitores. tudo como irmão, mão, mãe da letra. investigação. poesia. história. parabéns imenso Tácito. Sérgio. Conrado. Sheyla. sem trégua. léguas superbacanas. abraço forte. seguramente outros tempos, décadas virão.

    Cgurgel

Leave a reply